É proibido a reprodução das resenhas ou qualquer outro texto do blog sem a prévia autorização por e-mail do autor, e sem os devidos créditos.

28 de out de 2009

A Educação em uma caçamba

A Secretaria de Estado da Educação do Estado de São Paulo afastou nesta terça-feira, 27, a diretora e a vice-diretora da escola Eugênia Vilhena, em Ribeirão Preto, a 313 km da capital paulista, após livros didáticos da rede estadual de ensino terem sido encontrados no lixo.

Os livros encontrados são do ensino médio e englobam matérias de língua portuguesa, matemática, química e filosofia. É uma vergonha nacional.
Este blog vem constantemente questionando o sistema educacional brasileiro, mas não ha melhoria a ser implantada quando uma escola joga livros novos em uma caçamba embaixo de caixas de papelão para ocultar o crime.
Crime sim, e por vários motivos. Em primeiro lugar por que quem fez isso jogou fora o dinheiro do contribuinte, que paga para que esta material seja impresso e distribuído. Em segundo lugar por que livros, sejam eles velhos ou novos, não se jogam fora. Eles são informação, cultura e o futuro.
O pior de tudo isso é ver a culpa sendo jogada nos alunos. Livros ainda embalados, que não foram distribuídos, como é que os alunos teriam acesso a este material?
Somos a periferia do chamado “Primeiro Mundo” por que não queremos crescer; por que é mais fácil reclamar dos alunos, do governo, etc.
Enquanto alguns professores, diretores, pais, alunos e governo não se conscientizar que o país só irá melhorar através da educação, do bom ensino, crimes como este acontecerão.
Só nos resta torcer para que os responsáveis sejam punidos exemplarmente, perdendo seus cargos e reembolsando o Estado pelo dinheiro jogado em uma caçamba.

Nenhum comentário: