É proibido a reprodução das resenhas ou qualquer outro texto do blog sem a prévia autorização por e-mail do autor, e sem os devidos créditos.

9 de out de 2009

A polêmica Olimpíada de 2016 no Rio


O Rio foi escolhido como a cidade sede das Olimpíadas de 2016 e eu não entendo por que isso gerou tanta polêmica, tantas palavras grosseiras escritas nas seções de leitores dos jornais.

O que era para ser uma festa, uma possibilidade de crescimento, de transformação para a cidade, virou uma seção de impropérios sem limites. Por quê?
Barcelona não era nada antes das Olimpíadas, e hoje é uma grande opção de turismo. A china conseguiu, apesar de todo o atraso causado pela ditadura comunista. Então, porque o Rio não conseguirá?
A quantidade de empregos que será gerada nos próximos anos movimentará a economia do país e, se a população colaborar, diminuirá o nível de pobreza. E não é só no Rio que isto acontecerá. Na área de construção de trens e metrôs, por exemplo, as pouquíssimas empresas capacitadas para isto se encontram em São Paulo; os hotéis que deverão ser construídos, com certeza gerará emprego para pessoas de fora da cidade do Rio, já que haverá muito mais vagas, do que há pessoas treinadas lá.
A análise aqui é bem superficial, mas um começo para que cada um de nós faça uma reflexão da importância deste evento. O desvio de verbas, tão temido, a corrupção, tão temida, não pertence só ao universo dos políticos, mas infelizmente uma parte da população ainda está imersa nestes conceitos e nestes atos (veja post do dia 5).
Então, cada brasileiro deve arregaçar as mangas e começar a melhorar o país hoje, para que em 2016 as Olimpíadas mostrem ao mundo que o brasileiro saiu do terceiro mundismo para entrar no rol dos países desenvolvidos.

Nenhum comentário: