É proibido a reprodução das resenhas ou qualquer outro texto do blog sem a prévia autorização por e-mail do autor, e sem os devidos créditos.

8 de jul de 2010

PT mantém crítica à mídia em versão nova do programa

O Estadão que me perdoe, mas o título era tão bom que resolvi colocá-lo em meu post de hoje. É impossível não falar de assuntos referentes à política quando eles acenam com a possibilidade de interferir em nosso direito de livre expressão. Talvez este post que estou fazendo aqui em meu Blog não seria possível se certos programas fossem colocados em prática.
O programa de governo da candidata do PT Dilma Roussef contém trechos, mantidos nessa nova proposta, de puro radicalismo em termos da área de comunicação. Há uma tentativa desesperada do PT em intervir nos órgãos de comunicação via controle do Estado, tal qual acontece (acontecia) em países socialistas.
Essa tentativa é algo absolutamente deslocado da realidade em tempos de internet, Google, TV de alta definição, celulares inteligentes e toda a tecnologia que possibilita, finalmente, a Aldeia Global de MacLuhan.
Todo mundo que lida com veículos de comunicação sabe que há responsabilidades e penas para o uso indevido destes órgãos. São processos civis, penais, que são o suficiente para que cada um assuma sua responsabilidade.
Falar mal do Governo! Desde a Grécia antiga as pessoas criticam governantes. Isto não acontece hoje simplesmente porque os meios de comunicação proliferaram. Se o argumento é que eles atingem uma quantidade maior de pessoas, saibam que na Grécia antiga os discursos atingiam exatamente quem votava: - meia dúzia da população.
Hoje, com liberdade, podemos divulgar o real currículo de cada candidato, avaliar seus feitos, criticar seus erros e optar por mudanças. Então, por que vamos mexer exatamente no que está bom?
Eu vejo campanhas gigantescas para “Calar a Boca do Galvão Bueno”, de repercussão internacional, mas não vejo o espaço do Twitter, do Facebook ser usado para discutir o que realmente interessa a cada um de nós: - O que fará o futuro Presidente do Brasil e sua equipe.
Então é preciso lembrar-se que qualquer forma de ditadura, mesmo a disfarçada de democracia é absolutamente prejudicial para o ser humano. E, na minha avaliação, será o que nos espera caso o PT continue a governar o Brasil.

Nenhum comentário: