É proibido a reprodução das resenhas ou qualquer outro texto do blog sem a prévia autorização por e-mail do autor, e sem os devidos créditos.

10 de ago de 2010

Adolescente lê 300 páginas em uma hora

É de causar “inveja boa” aos aficionados por leitura. Ler 300 páginas em uma hora, significaria para um adulto que muitas vezes dispõe de apenas duas horas diárias para leitura, um total de 600 páginas, muitas vezes representando 2 livros por dia. Lendo de segunda a sexta, isso significaria 10 livros, totalizando ao final do mês 40. Em tempos de lançamentos literários cada vez mais tentadores isso seria o paraíso.
Existe alguém, e pasmem, é um adolescente de 14 anos, que consegue esta proeza. Seu nome é Luis Antonio Gonçalves Netto e ele vive em São José do Rio Preto (SP). E a ironia de tudo isso é que a habilidade dele apareceu em meio ao que, inicialmente era um castigo.
O pai lançou um desafio ao adolescente: se tirasse alguma nova vermelha no colégio -estava no 9º ano (antiga 8ª série)-, teria de ler dez livros. Ele foi mal em história e o pai cumpriu o prometido. Trouxe uma pilha de dez livros para Luis ler, dentre eles O Código Da Vinci, de Dan Brown.
Então como em um conto de fadas, o que era um castigo virou paixão, e segundo reportagem na Folha de S.Paulo de hoje, Luis Antonio já leu 340 livros do final do ano passado até hoje.
A visão do pai, que soube educar cumprindo o prometido, além de saber escolher os livros que seu filho enfrentaria aliado a uma capacidade ainda oculta em Luis, trouxe a tona um grande leitor que com certeza, este ano terá notas melhores na escola e nunca terá dificuldade na escrita.


Link da matéria escrita por Ricardo Westin na Folha de S.Paulo.

Nenhum comentário: