É proibido a reprodução das resenhas ou qualquer outro texto do blog sem a prévia autorização por e-mail do autor, e sem os devidos créditos.

25 de mar de 2014

The Golem and the Djinni

Autor: Helene Wecker
Literatura Inglesa: Sem traduções
Tradução do Título pelo Prosa Mágica: O Golem e o Gênio
Editora: Harper Collins Publishers
Ano de Lançamento: 2014
Número de páginas: 646 (Em formato Pocket)
Avaliação Prosa Mágica: 


Estou em Londres, em uma deliciosa aventura para aperfeiçoar meu inglês. É claro que um dos primeiros passeios por aqui seria encontrar uma boa livraria. Encontrei muitas, mas na primeira que entrei vi este livro da autora estreante Helene Wercker. Bem, me apaixonei pela trama.
O que me chamou a atenção em primeiro lugar foi o título. Só tinha ouvido falar de Golem na obra da autora Deborah Harkness, e a contracapa deste livro citava exatamente A Descoberta das Bruxas. Era o sinal de que o livro seria bom... foi melhor, explendido.
Mas, para falar sobre ele temos que começar pelas referências culturais. Golem é uma criatura mitológica vinda da Cabala, do Judaísmo. O Gênio vem da tradição dos beduínos no Oriente Médio é tem conexão com o Islamismo. Só por estes fatos eu teria muito a dizer sobre a trama. Duas culturas que foram mescladas em um encontro inusitado. Um golem, uma criatura que não foi criada por Deus, mas pelas mãos do homem e feito de barro (como Adão) e um Gênio, criado por magia. Ambos feitos para servir.
Na trama o Golem foi criado para um judeu que desejava uma companhia. Assim, ele procurou por alguém que fizesse para ele uma mulher que pudesse ser sua companheira. Um homem, conhecedor das artes da Cabala e que fazia mau uso dela, cria para ele uma mulher e lhe dá curiosidade sem limites e inteligência aguçada.
Quando o homem ativa seu golem, em meio ao Oceano Atlântico em uma viagem para os Estados Unidos, ele acaba sofrendo de um ataque de apendicite, e morre deixando seu golem sozinho.
O ser passa então a ouvir os desejos de todos os passageiros do navio, mas sente-se perdido, por que um Golem não tem sentido sem um mestre.
Do outro lado da trama há o Gênio, um ser feito para servir e que irá, junto ao Golem traçar uma trajetória interior que nos levará conceitos de metafísica como o livre-arbítrio; o que acontece quando contamos uma mentira; quais são as consequências que um ato de maldade pode provocar; e qual é a nossa responsabilidade sobre os outros.
Aliás, esta reflexão vem bem a calhar nestes dias em que se cogita a hipótese de um piloto de avião ter cometido suicídio e com isso colocado fim à vida de outras centenas de pessoas. 
É um livro lindo, um conto extraordinário e digno de leitura e reflexão.
Infelizmente ele ainda não foi traduzido para outra língua, já que sua repercussão no mercado editorial é muito recente.
Aqui em Londres você pode encontrar o livro em qualquer livraria. Sempre em destaque, e custa  7,99 Libras. Mas você pode conseguir uma cópia deste livro pela internet no site da Amazon.
Foi uma sorte enorme estar aqui agora. Um presente poder ler esta história antes de se tornar uma febre.
Leia, mesmo que seu inglês não beire a perfeição. O esforço valerá a pena.

Adorei.

Nenhum comentário: