Dia Mundial do Livro

Foto webpage Lello - Escadaria.

Vamos falar de amor! Amor aos livros, a leitura.
Escolhido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), o dia 23 de abril é comemorado em todo o planeta como Dia Mundial do Livro.
A data foi escolhida por ser o aniversário de morte de 3 autores peso pesados: Miguel de Cervantes, Inca Garcilaso de la Vega e William Shakespeare.
Nesta data, todos são convidados a reverenciar a literatura mundial, a incentivá-la e a fazer uma reflexão da importância no ato de ler e também sobre os direitos autorais do escritor, algo muito controverso e desrespeitado nestes tempos de virtualização da comunicação.
Para comemorar a data escolhi uma ação efetivamente pró-leitura. Algo que me encantou como leitora.
A livraria Lello do Porto, Portugal, abriu “o primeiro drive thru livreiro do mundo”. Neste período de quarentena, a livraria oferece um livro por dia, que é escolhido e publicado antecipadamente nas Redes Sociais. Para ter acesso ao exemplar, a pessoa precisa se inscrever antecipadamente no site da Livraria e depois passar entre 10h e 12h para retirar o livro, que será entregue pela janela do carro,  por um funcionário devidamente paramentado com EPIs.
Os títulos oferecidos pertencem a “The Collection”, editado pela livraria, e inclui “Orgulho e Preconceito”, “Amor de Perdição”, “Contos Escolhidos, de Edgar Allan Poe” dentre outros.
No dia de hoje, data que comemora mundialmente o livro, não conseguiria escolher exemplo maior para declarar o amor incondicional a literatura.
Se você ama sua vida. Leia um livro e Fique em Casa.

Obs: Imagem da Livraria Lello foi tirada do site da própria livraria.

Comentários